100%

Municípios e Estados são os que mais contribuem para sustentar SUS; aponta levantamento

Os Municípios e os Estados foram os Entes que mais contribuíram para sustentar a estrutura do Sistema Único de Saúde (SUS) entre os anos de 2002 e 2015. A constatação é de pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e do Ministério da Saúde que lançaram a publicação Contas do SUS na Perspectiva da Contabilidade Internacional.

De acordo com o estudo, a União começou garantindo 52% das verbas destinadas à rede pública de saúde, cota que seguiu em curva decrescente até atingir 43% em 2015. No intervalo analisado, as despesas por habitante cresceram 3,5 vezes no nível federal, 4,9 vezes no nível estadual e 5 vezes no plano municipal.  Os valores despendidos com ações e serviços públicos de saúde passaram, de 2002 para 2015, de R$ 24,73 bilhões para R$ 100 bilhões no âmbito federal; de R$ 10,75 bilhões para R$ 60,56 bilhões, no estadual; e de R$ 12,05 bilhões para R$ 72,11 no municipal. Englobando as três esferas, os gastos com saúde somaram R$ 232 bilhões em 2015, totalizando 3,94% do Produto Interno Bruto (PIB), proporção que, em 2002, era 3,21%.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) vem destacando que no atual ordenamento administrativo do Estado brasileiro, as políticas públicas são na maioria das vezes, executadas pela adesão dos Municípios a determinados programas, ações, serviços ou estratégias. Tal situação tem configurado um cenário de sobrecarga dos Municípios no que diz respeito à divisão de responsabilidades do setor público na prestação de serviços básicos à população. Quanto ao uso de recursos próprios para executar a política de saúde, reconhece-se a limitação constitucional dos Municípios em relação à tributação e à arrecadação. Dessa forma, sua participação no bolo tributário é reduzida e insuficiente para colocar em prática a necessária Rede de Atenção à Saúde local e a manutenção do próprio Sistema Único de Saúde. Assim, a adesão dos Municípios aos programas federais muitas vezes é uma alternativa de entrada de recursos federais para garantir que a população tenha acesso aos direitos e serviços básicos.

Com informações da EBC


Fonte: Portal CNM - Confederação Nacional de Municípios
Protocolos desta Publicação:Criado em: 22/06/2018 - 14:24:55 por: Nicole Renata Chiaradia - Alterado em: 22/06/2018 - 14:24:55 por: Nicole Renata Chiaradia

Notícias

Vereador entrega moção de aplauso por aumento na nota no Ideb
Vereador entrega moção de aplauso por aumento na nota no Ideb

O Vereador Marineo Ferreira (PTB) foi o autor de uma moção de aplauso à Secretaria de Educação e Cultura pela nota alcançada pelo município de Arapoti no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Segundo o vereador, o resultado da avaliação reflete o excelente e incansável trabalho desenvolvido na Educação arapotiense, por professores e funcionários das escolas e colégios e pela Secretaria Municipal.

Audiência das Metas Fiscais acontece na próxima segunda (24)
Audiência das Metas Fiscais acontece na próxima segunda (24)

Acontece na próxima segunda-feira, dia 24 de setembro, a Audiência Pública das Metas Fiscais, às 19 horas, na Câmara Municipal. A reunião vai avaliar o cumprimento das Metas Fiscais levando em consideração os meses de maio a agosto deste ano, pelo município de Arapoti. 

'Nós Somos o Trânsito': Ciretran realiza abertura da Semana Nacional do Trânsito
 'Nós Somos o Trânsito': Ciretran realiza abertura da Semana Nacional do Trânsito

A Ciretran Arapoti realizou nesta manhã (18) a abertura oficial da Semana Nacional do Trânsito. O evento contou com a presença do Chefe da Ciretran, Claudinei Moreira (Toddynho), do representante do Legislativo, vereador Divair da Silva (PV), do Comandante da PM, Sargento Olicheski, e do representante do Executivo, Jeovane Varela. 

Maria Caxambu recebe título de Cidadã Benemérita
Maria Caxambu recebe título de Cidadã Benemérita

Luta incansável por melhorias e liderança comunitária são marcas de uma mulher batalhadora que representa o bairro Jardim Aratinga. Claro que estamos falando de Dona Maria Aparecida Fernandes Caxambu, professora aposentada, religiosa e líder de sua comunidade, que na última semana (22) recebeu da Câmara Municipal o Título de Cidadã Benemérita de Arapoti.

Desenvolvimento: Vereador Divair propõe criação de Prêmio para trabalhos acadêmicos
Desenvolvimento: Vereador Divair propõe criação de Prêmio para trabalhos acadêmicos

Pensando na aplicação e na valorização da pesquisa acadêmica, o vereador Divair da Silva (PV) apresentou uma proposta na última quarta-feira (22) para criação do Prêmio Hamilton Vilela de Magalhães. O objetivo é realizar um concurso destinado a premiar projetos acadêmicos artísticos e científicos que possuam foco no desenvolvimento do Município de Arapoti